A B C D E F G H I J K L M N O P Q R S T U V W X Y Z #

Nau

Novos pesadelos

Nau (1986)
0 OUT_OF 50 OUT_OF 50 OUT_OF 50 OUT_OF 50 OUT_OF 5 0 Classificações
Adicionar esta música ao playlist
Novos pesadelos

Letras

Novos Pesadelos

Tantos sonhos nos trouxeram
Noites claras, luzes
Pelos dedos escorrendo
Novos pesadelos

Tanta ânsia, ferrovias
Aço e fome chegam
Coletivos, avenidas
Quase nos arrastam

Rei morto, rei posto
É a lei proclamada
E ninguém sabe quando
Até quando?

Nos perdemos entre contos
Poeira de máquinas
Multidões se atropelando
Num mundo sem espaço

Tanto tempo repetindo
Mesmas paisagens
Crueldades, correrias
É o tempo que esmaga

Rei morto, rei posto
É a lei proclamada
E ninguém sabe quando
Até quando?

Rei morto, rei posto
É a lei proclamada...


Publique nas redes sociais

Hits 170
« As ruas Nau Músicas Nada »